a vida seria uma bobagem sem essas bobagens


sexta-feira, 29 de outubro de 2010

#HappyBday

Não, eu não vou começar esse post escrevendo a musica da XUXA...
Mas com o vídeo sim *o*



Não, falando sério. Hoje é aniversário da @GabysSama, a Blair da minha vida.
Chega de histórinhas de lápis cor de rosa, o que eu quero falar vai muito além do início disso tudo.

Minha amizade com a @GabysSama já passou por algumas provinhas de fogo que fizeram o mundo desabar, mas não adianta, quem nasceu para ser BFF nunca será coleguinha de escola.
De términos a viradas de noite, compartilhamos segredos que até nós mesmas temos vergonha de contar.
E os dias passaram.

Mesmo depois de 10 anos eu continua a ver a garotinha da 2ª série correndo do meu lado, não da para enxergar a mulher que já dirige. parece que o tempo não passa, que todo o tempo é pouco e que sempre se tem algo mais a dizer.
De qualquer forma, tem dias e noites que a minha vontade é cantar Loro Qué Biscoi-to ♪ e assistir GG, pensando no que ela faria se estive ali.

A gente nunca precisou de declarações exageradas de amizade ou amor para que uma soubesse que a outra estava ali. a gente simplesmente estava.
E não só como alguém para falar, mas também para bronquear, dar colo... emprestar maquiagem e cantar RBD.

A Mia do meu Rebelde
A Sandy do meu CD do café
A Blair do meu GG
A Bra do meu DBGT
A Carta Clow do meu Sakura Card Captors
A @GabysSama do meu twitter

A Gabys da minha vida <3

Eu queria te desejar feliz aniversário, mas antes disso eu prefiro dizer Obrigada.




Vc é parte de mim. ♥

XOXO

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

O's Cara's;

Mais uma vez estou aqui para falar dO's Cara's.


Sério, por que muita gente recrimina o meu amor - e quando digo amor faço questão de me referir a modalidade "amor de fã" e não algo doentio - pelas três pessoinhas que me fizeram tão bem ao longo do tempo que as conheço.
Muita gente precisa entender que ter um ídolo não significa ter uma obcessão doentia, mas uma admiração a alguém que, POR DEUS, merece essa tal admiração.

E basta um twit de resposta, do qual eles nem devem lembrar, para que eu tenha o suficiente para ficar feliz para o resto da semana. Tá certo que o Di nunca me respondeu nada, mas o Mar Mar e o Humberto sim

Eu não espero a perfeição deles, e acho que por ver que eles tem tantos defeitos quanto eu que me identifico mais e mais... Eles estão distantes, mas erram das mesma forma que a universitária do primeiro ano de psico aqui.
Sao inspirações, orgulhos...

Quantas vezes já não quis o Di como amigo até como namorado no auge de minha pré-adolescencia, o Marcelo como melhor amigo, conselheiro, sl... e por quantas vezes não chamei o Humberto de pai.


Atribuindo valor emocional ou não, esses daí me ajudam a lutar em meu dia a dia injusto, mesmo que não saibam, mesmo que nem imaginem minha existencia...
E eu me preocupo com eles, como se fossem meus amigos, pq na verdade são.

E foi na tarde de 26-10-2010 que na minha santa inocencia, tomando as dores do Marcelo Adnet, resolvi me estressar com o Kiabbo e sua mania CHATA de ficar tentando culpar o Mar Mar da sua demissão da MTV.

Uma vez o Felipe Ricotta (kiabbo) publicou uma entrevista ACABANDO com o Marcelo, a qual eu cheguei até a acreditar, mas de verdade, eu confio no Marcelo.
De uma vez por todas, o 15 minutos mudou de formato, por isso tá assim... alguém falando ' que safadeza rapá ' não muda TAAANTO assim, justamente por tal fato ano passado tbm não tava grande coisa.
O Marcelo não precisa usar ninguém de escada, eu conheço o trabalho dO Cara e sei que ele tem talento de sobra.

Não que isso tenha relevancia para o trabalho de amanhã, mas faz parte dos meus momentos ' bella feliz '.

Bem, o que aconteceu:
1º o Marcelo me respondeu pela 3ª vez, o que me fez ficar ABSURDAMENTE feliz e saltar cantarolando por minha faculdade.
2º respostas de OUTROS para a minha revolta

e por fim
3° sugerir gentilmente que o KIABBO tenha coragem o suficiente para conversar com o Marcelo cara a cara e resolver isso de uma vez.

Então eu quero ajuda na campanha: enterra esse assunto.

só por obsv: eu não odeio o Ricotta, na verdade acho ele um amor e tenho até o CD dele ;)

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Combo.

São raros os momentos em que minha vida, desde então, tumultuada, me deixa em paz para enlouquecer com calma.
Uma enxurrada de sentimentos embriagam meus olhos e sedam meus pensamentos, como um veneno sem efeito.
E mesmo depois de tanto apanhar, ainda vejo no mundo um pouco da inocência que ele jamais teve.
De qualquer forma, o vento do balanço ainda acaricia meus cabelos, e o calor das cobertas simula um abraço, enquanto sozinha eu rezo baixinho.

Era assim que me descrevi há quase dois ano atrás (exagero pra que?) e hoje não vejo muita diferença, mas mudar é preciso.
O vendo ainda bate em meu rosto, mas agora é meu grande cachorro de pelúcia que simula um abraço. Se bem que eu não preciso mais de uma simulação.

Agora, enquanto caminho em silêncio, penso em meus ultimos 18 anos, ou pelo menos no que lembro deles. Algumas lembranças parecem tão nítidas e outras tão apagadas. 
Por que eu sofria tanto com amizades falsas?
Da onde tirei que o Clube das Amigas me odiava?
E pra que chorar tanto quando saí do CEDE meldels?

Perguntinhas sem respostas que valiam minha vida naquela época.
Fui ler meu antigos comentários do blog e descobri que meu post sobre Harry Potter virou quase uma sala de bate papo, que meus posts sobre os escrotos do 2ºA não passaram em branco para a garotinha traidora e para o sr. Haddad.

E mais ainda, percebi que alguns comentário anônimos bem negativos vem da mesma fonte do comentário de quando o Timão subiu para série A.

Oh Dels, e o tempo passa. 
Passa sim.



Voltando ;)

Um belo dia resolvi mudar e fazer tudo o que eu queria fazer. Me libertei daquela vida vulgar ♪

As vezes esqueço realmente quem sou eu. Tava tão perdida em querer a atenção das pessoas que, que realmente perdi a noção do que estava fazendo de mim mesma.
Agora, ao som de Katy Perry em minha rádio mental, recupero aquela linda noção de viver.

De qualqer forma, tem tantos pedacinhos meus espalhados por aí que foi em um FDS qualquer que eles voltaram a fazer parte da dona.
Parece que despertei de um longo inverno e dei bem de cara com um sol daqueles que só eu gosto. Agora eu quero é clube, piscina, Mulheres Apaixonadas e 15 minutos.
Não, eu não quero voltar para o segundo colegial, mas eu me lembro exatamente do dia em que também me senti assim, tão livre de tudo o que me faz mal.

As vezes é como se não fosse eu mesma enlouquecendo com coisas tão fúteis, pessoas tão desnecessárias... assuntos tão banais.
Na verdade eu deveria sempre observar as três garotas da fileira da frente e a desesperadinha duas carteiras para lá. Eu sempre fui eu mesma, para que tentar mudar por alguns que não vale a pena?

E alias, filosofar por msn com a @GabysSama é para poucos dias. (concordancia FAIL)

E afinal, acordei hoje para assistir uma aula chata que acabou virando um joguinho divertido, esperava uma nota baixa depois da descrição do professor e tirei 9,5 e por fim, enquanto meio mundo que não está acostumado a suportar pessoas superiores reclamava, eu admirava o professor "palestrando" na minha frente.




Não gosto do convencional, eu sempre preferi O Fantasma da Ópera.

XOXO

sábado, 9 de outubro de 2010

Coisas que aprendi...

Não meus queridos, isso não é um post sobre nostalgia de coisas que a vida me ensinou e sim um aletar sobre coisas que meu ENSINO MÉDIO me ensinou.

  1. Sistema Nervoso Central vai te perseguir até o ultimo dia da sua vida
  2. Matemática também
  3. Não Cíntia, a medula NEM DE LONGE parece um Doritos
  4. Quando sua mãe te ajudar a aprender a tabela periódica dizendo KAPOTÁSSIO para vc lembrar que o K é o Potássio você JAMAIS esquecerá
  5. Bomba de sódio e potássio é a Sinapse sim Tia Rose
Independente disso ou não, eu ATORON minha faculdade;